Menu

Usina Nuclear Isar, Alemanha

Exemplos de energia elétrica, uso e aplicações

Exemplos de energia elétrica, uso e aplicações

Desde o surgimento da eletricidade, seu uso cresceu exponencialmente.

No início, o uso da energia elétrica foi relegado à indústria e à iluminação. No entanto, aos poucos foi surgindo um grande número de elementos elétricos que mudaram completamente nossas vidas.

Aqui estão alguns exemplos de energia elétrica:

1. Energia luminosa

A energia elétrica é usada para gerar luz.

O primeiro a inventar a lâmpada foi Thomas Alba Edison. Eddison descobriu que, quando uma corrente elétrica circula por um resistor, o efeito Joule que ela produz pode gerar luz.

Aos poucos essa tecnologia mudou e surgiram luzes led. Porém, em todos os casos, funcionam com fonte de energia elétrica.

2. Motores elétricos

Os motores elétricos são máquinas que transformam energia elétrica em energia mecânica. Eles normalmente fornecem essa energia na forma de energia cinética girando um eixo.

Os motores elétricos adicionados ao fornecimento de eletricidade nas residências têm revolucionado a qualidade de vida das pessoas. Alguns exemplos de dispositivos que utilizam motores elétricos que podemos encontrar em casa são:

  • Máquina de lavar.

  • Chave de fenda elétrica.

  • Lava-louças.

  • Triturador.

  • Extrator de cozinha.

  • Bomba de água.

3. Tempestades elétricas

Tempestades elétricas são um tipo de energia elétrica que produz descargas elétricas naturalmente.

Essas descargas podem ser discernidas como um flash de luz, relâmpago, seguido por um som estrondoso agudo ou maçante, um trovão.

Tempestades são nuvens nas quais uma diferença de potencial é criada pela separação de cargas.

4. Usinas de energia

As usinas são instalações destinadas à geração de eletricidade. Existem muitos tipos de usinas com capacidade de geração de energia elétrica, tais como:

  • Usinas termelétricas: esses tipos de usinas utilizam fontes de energia térmica para produzir eletricidade. As mais comuns são as usinas de ciclo combinado, que usam combustíveis fósseis, e as usinas nucleares que aproveitam a energia das reações nucleares dos átomos de urânio.

  • Instalações fotovoltaicas: esses tipos de instalações aproveitam a propriedade de certos materiais, como o silício, de liberar elétrons da radiação solar. Os fótons da luz do Sol impactam os painéis solares, fazendo com que elétrons sejam liberados dos átomos que os compõem. A soma desses elétrons gera uma corrente elétrica contínua.

  • Outras instalações de energias renováveis: para além da energia solar, existem muitas outras fontes de energia que permitem gerar eletricidade de forma sustentável, como a eólica, a hidráulica ou a geotérmica.

As usinas conectadas à rede usam transformadores de corrente para fornecer energia na forma de corrente alternada. Essa energia tem a vantagem de poder ser transportada por meio de linhas de transmissão.

5. Eletroímãs

O eletroímã é um elemento eletrotécnico formado por um núcleo de material ferromagnético (geralmente ferro macio) no qual uma bobina de muitas voltas de fio elétrico é enrolada.

O objetivo do eletroímã é gerar um campo magnético a partir de uma corrente elétrica. Assim que a corrente é removida, o ferro perde seu status de ímã.

O eletroímã geralmente se parece com uma ferradura e tem fios condutores enrolados em volta dele como uma esteira. Quando a corrente passa por este tapete, o núcleo de ferro fica magnetizado.

6. Geradores de calor

Quando uma corrente passa por um condutor elétrico, ela gera calor conforme estabelecido pela lei de Joule. Em geral, isso seria uma desvantagem da energia elétrica, mas por outro lado, nos permite gerar calor.

Alguns exemplos onde este efeito é usado para gerar calor são:

  • Fogões elétricos.

  • Torradeiras.

  • Aquecedores de água.

  • Bombas de calor.

7. Condicionadores de ar e geladeiras

Os condicionadores de ar e geladeiras são um caso particular de geradores de calor.

O sistema operacional segue as seguintes etapas:

  • Comprima o ar a ser resfriado. Conforme a pressão sobe, a temperatura sobe.

  • Circule o ar comprimido através de um trocador de calor junto com o ar em temperatura ambiente. Devido à primeira e segunda leis da termodinâmica, o calor do ar comprimido é transferido para o ar à temperatura ambiente.

  • O ar é descomprimido e, à medida que a pressão diminui, a temperatura diminui, por isso temos o ar com uma temperatura inferior à do ambiente.

8. Eletroquímica

A eletroquímica é um ramo da química que lida com processos que envolvem a transferência de elétrons através de um circuito elétrico externo e não por troca direta como ocorre com as reações de oxidação-redução.

É, portanto, as transformações químicas produzidas pela passagem de eletricidade em certos sistemas químicos e a produção e armazenamento de eletricidade por meio de transformações químicas.

Um exemplo de processos eletroquímicos são aqueles que ocorrem quando uma bateria é carregada e descarregada.

9. Circuitos eletrônicos

Os circuitos eletrônicos que nos cercam são exemplos pelos quais circula energia elétrica. A corrente elétrica circula constantemente por esses circuitos interagindo com seus elementos, transmitindo impulsos e sinais.

Alguns exemplos de circuitos eletrônicos são:

  • Computadores

  • Telefones.

  • Televisores

  • Relógios digitais.

  • Válvulas solenóides.

Autor:

Data de publicação: 8 de junho de 2020
Última revisão: 14 de setembro de 2021